sexta-feira, 15 de novembro de 2013

[RESENHA] Belo Desastre e Desastre Iminente - Jamie McGuire

Postado por Aninha Teixeira às 20:19


Sinopse de Belo Desastre:  Abby Abernathy é uma boa garota. Ela não bebe nem fala palavrão, e tem a quantidade apropriada de cardigãs no guarda-roupa. Abby acredita que seu passado sombrio está bem distante, mas, quando se muda para uma nova cidade com America, sua melhor amiga, para cursar a faculdade, seu recomeço é rapidamente ameaçado pelo bad boy da universidade. Travis Maddox, com seu abdômen definido e seus braços tatuados, é exatamente o que Abby precisa – e deseja – evitar. Ele passa as noites ganhando dinheiro em um clube da luta e os dias seduzindo as garotas da faculdade. Intrigado com a resistência de Abby ao seu charme, Travis a atrai com uma aposta. Se ele perder, terá que ficar sem sexo por um mês. Se ela perder, deverá morar no apartamento dele pelo mesmo período. Qualquer que seja o resultado da aposta, Travis nem imagina que finalmente encontrou uma adversária à altura. E é então que eles se envolvem em uma relação intensa e conturbada, que pode acabar levando-os à loucura.

Opinião de blogueira: Poucos livros conseguem chegar tão perto da perfeição quanto Belo Desastre. Foi um dos que mais me deixaram na "depressão pós-fim de livro", aquela em que você não quer começar a ler nenhum outro porque tem certeza que não vai ser tão interessante quanto o que você acabou de ler. Eu comecei a ler Belo Desastre por indicação da Ana Paula, e hoje em dia nós até brigamos pra ver quem vai comprar o livro primeiro kkkk. Enfim. Apesar de algumas cenas bem calientes e da linguagem ser um pouco pesada, eu indico pra quem quer ler um romance intenso. Você vai querer um desses pra você. Travis Maddox é um lutador em suas horas livres, bastante possessivo e adora uma confusão. Mas eu não esperava que por baixo da faixada de bad boy fosse ter uma pessoa muito romantica não. Eu quase pensei que ele fosse a mulher da relação kkk Enquanto a Abby quer evitar chamar atenção, guardando as desmontrações de afeto pros momentos a dois, o Travis é o tipo de personagem que quer mostrar pro mundo inteiro o que ele sente pela Abby. É uma fofura. INDICO MEEEEESMO. 
P.S: Muitos sites disponibilizam o livro em PDF, pra quem quiser ler. 




Sinopse de Desastre IminenteTravis perdeu a mãe muito cedo, mas, antes de morrer, ela lhe ensinou duas regras de vida - ame muito, lute mais ainda. Tendo crescido em uma família de homens que gostam de jogos e lutas, Travis Maddox é um cara durão. Musculoso e tatuado, bad boy até o último fio de cabelo, ele leva uma mulher diferente para casa a cada noite. Até conhecer Abby Abernathy. Determinada a se manter longe de problemas, Abby resiste com todas as forças ao charme de Travis, sem saber que assim só o deixa mais determinado a conquistá-la. Será que o invencível Travis 'Cachorro Louco' Maddox vai ser derrotado por uma garota?


Opinião de blogueira: Adoro quando a história tem dois lados. O "Desastre Iminente" é narrado pelo Travis e inclui algumas partes que a Abby não contou em sua versão. E como esperado, tem uma linguagem muito mais pesada e cenas mais fortes. Não indico tanto quanto o Belo Desastre se você não está acostumado(a). É apaixonante da mesma maneira. 



"—  Abby: Está acabado. Vá pra casa.
 —  Travis: Você é minha casa."

"Eles não me querem. Eles estão curiosos para saber por que você me quer. E, de qualquer forma, tenho dó de qualquer um que ache que tem alguma chance comigo. Estou completamente apaixonada por você." (Abby Abernathy)

"Eu sei que você merece algo melhor do que eu. Você acha que eu não sei disso? Mas
se há alguma mulher feita para mim... é você. Eu vou fazer o que tenho que fazer,
beija-flor. Você me ouviu? Eu vou fazer de tudo." 
(Travis Maddox)

Quanto mais ele sorria, mais eu queria odiá-lo, e no entanto era esse o motivo pelo qual odiá-lo era impossível. (Abby Abernathy) 

Vocês são como um maldito tornado! Quando estão felizes, é tudo paz, amor e borboletas. Quando estão bravos, derrubam a droga do mundo inteiro junto com vocês.(América)

Ele não temia nada. Até me conhecer. Eu era uma parte da vida de Travis que lhe era desconhecida, o curinga, a variável que ele não conseguia controlar. Independente dos momentos de paz que lhe dava de vez em quando, em um dia ou outro, o turbilhão que ele sentia sem mim piorava dez vezes na minha presença. 
A raiva que ele sentia havia se tornado apenas mais difícil de controlar.
Ser a exceção não era mais um mistério, algo especial.Eu havia me tornado a fraqueza de Travis.
Tal como eu era para o meu pai.
(Abby Abernathy)

Espero que gostem do post. Deixem sugestões nos comentários ou enviem mensagens para nosso e-mail.
Beijos


0 comentários:

Postar um comentário

 

Inddelicada.com Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos